Prainha, no Rio, recebe a Bandeira Azul esse mês

A Prainha, no Rio de Janeiro, é o mais novo local do litoral brasileiro a hastear a bandeira com o selo de qualidade ambiental

Reduto do surf carioca, a Prainha vai receber este mês a Bandeira Azul, certificado concedido pela Foundation for Environmental Education, ONG europeia que promove o desenvolvimento sustentável. No Brasil, só a praia do Tombo, no Guarujá (SP), e a Marina Costabella, em Angra dos Reis (RJ), possuem o selo. Leana Bernardi, coordenadora nacional do programa, fala sobre ele.

Como é a avaliação? A praia deve ser inscrita no programa. Eu visito o local e faço uma avaliação. 
A praia pode ficar dois anos para adequar-se aos 33 critérios do programa, divididos em educação ambiental, segurança, gestão e qualidade da água. Em seguida, o documento é enviado ao júri nacional, composto de Ministério do Meio Ambiente, Ministério do Turismo, Secretaria do Patrimônio da União e ONGs ligadas a praia, para então ser enviado ao júri internacional.

Quando a bandeira foi criada? Em 1985 na França. Hoje está presente em 48 países e já foi concedida a 3.850 praias e marinas.

Qual foi a primeira praia brasileira a receber o selo? Jurerê Internacional, em Florianópolis, em 2009. O certificado foi renovado em 2010, mas depois foi retirado, pois ela não manteve o padrão necessário. 

Vai lá: http://tinyurl.com/ahu2wmc

matérias relacionadas