por Gabi Caraffa

Dicas para cicloturistas de primeira viagem

Cicloturista desde 1995, Fábio Zander já fez a travessia de bike pela Cordilheira dos Andes. Ele diz que para começar a pedalar existem parques em São Paulo como a Serra da Canastra, a Serra da Cantareira e a Serra do Mar partindo de Mogi para Caraguatatuba. No Rio de Janeiro, Zander conta que uma boa opção é a Serra para Teresópolis ou Friburgo e, no Paraná, a Serra da Graciosa. É muito bom depender somente de você e do seu condicionamento, fala Fábio, a cada pedalada, a sensação de liberdade aumenta. Siga a trilha desse biker que está terminando de escrever um livro sobre sua pedalada solitária à Patagônia:


1 Estude o local da viagem através de mapas e dicas de quem já foi

2 Leve roupas leves e confortáveis, uma bota para trilhas e um boné

3 Numa viagem de fim de semana, é preciso ter um bagageiro (de metal) traseiro e um alforje, mochila adaptada para bicicletas

4 Tenha sempre um kit remendo para pneus, ferramentas, uma bomba de ar e, se preciso, um ciclo-computador, que mede quilometragem, velocidade média e máxima e tempo de pedalagem

5 A bike não precisa ser importada, e sim boa: cromo ou alumínio, que é um pouco mais leve e resistente, ferro ou aço

6 Em viagens longas, use também um bagageiro dianteiro para levar roupas, comida e a barraca. O que não couber, coloque em um dry-bag, em cima do alford traseiro, prendendo-os com elásticos

7 Opte por barras energéticas, aveia, verduras, frutas, sanduíches lights, massas e enlatados. Além de água, bebidas energéticas, sucos e chás podem entrar na lista 

(Gabi Caraffa)

matérias relacionadas