por Redação

Inspirados na campanha "Leia para uma criança” do Itaú, patrocinador do Trip Transformadores, convidamos pessoas envolvidas no projeto e homenageados deste ano pelo prêmio para refletirem sobre a importância da leitura na infância e as memórias afetivas deste momento tão estimulante e especial. Veja o depoimento de Marcelo Freixo, homenageado de 2013: 

"Atualmente sou um leitor voraz, mas nunca ganhei um livro dos meus pais porque eles mal sabiam ler. Então eu só fui ter contato com livros bem mais tarde e isso é muito curioso, porque hoje dou muita importância para a literatura infantil. Eu lembro que na escola primária eu li um livro chamado A Ilha Perdida e eu levava para casa para tentar ler com minha mãe e meu pai, fazer o processo inverso. Mais tarde veio Jorge Amado, com Capitães de Areia, que é uma literatura sensacional que fala de infância sem ser necessariamente infantil. Minha filha lê no mínimo um livro por mês, e eu como professor acho que a leitura é um instrumento absolutamente transformador."

matérias relacionadas