por Luiz Filipe Tavares

Galeria organiza exposição com releituras de memes como obras de arte

A princípio, meme é, por definição, a menor unidade de memória existente, sendo assim o equivalente cultural do gene. Esse conceito foi criado em 1976 pelo pensador Richard Dawkins no livro O Gene Egoísta. Assim como os genes, os memes também se replicam e o fazem em uma dimensão cultural, transmitindo a informação de uma mente para a outra de forma autônoma e independente.

Na internet, meme é um conceito que se espalha através da rede de variadas formas: pode ser um link, vídeo, foto, ilustração, site, hashtag ou apenas uma palavra ou frase. Em outras palavras, é uma representação simplificada de um conceito amplo, uma espécie de resumo de uma ideia, que se manifesta através do uso de pequenas unidades culturais. 

Muitos desses memes são conhecidos mundialmente e ganham versões nas mais variadas línguas sem perderem sua conotação original. Alguns dos mais populares foram captados por um grupo de artistas que expõe na galeria 1988 da Melrose Avenue, em Los Angeles, que realiza a mostra sugestivamente batizada de Memes.

A galeria 1988 é famosa por suas exposições voltadas para a produção contemporânea de Pop Art, como a mostra Suspense & Gallows Humor: A Tribute To The All-Time Greatest, homenageando a vida e a obra do grande diretor cinematográfico Alfred Hitchcock e sua interminavel lista de personagens memoraveis.

Na galeria acima você vê alguns dos trabalhos que participam da exposição, que inclui obras de artistas como Alex Pardee, Alex Chiu, Bruce White, Karla HansenJ Salvador, entre outros.

Vai lá: www.nineteeneightyeight.com

matérias relacionadas