por Luiz Filipe Tavares

Maior poeta da música americana entra na sétima década com mostra de cinema em cartaz

Um homem de muitos nomes, muitas facetas e muitas vidas completa hoje 70 anos. Sete décadas de dedicação à música, com incursões profundas nas outras artes. Um homem que tocou ao lado dos maiores músicos do mundo, fez parceria com Paul McCartney, teve banda com Roy Orbinson e George Harrison e ganhou de presente o violão de Johnny Cash, na maior tradição country de um veterano que respeita o talento de um, na época, ainda novato. Um homem que rejeitou cada tradição nos anos 60 e 70 para depois se reinventar roqueiro, bluesman, caipira, pastor e herege. 

No dia do seu aniversário abre em São Paulo a mostra "Bob Dylan no Cinema", que reúne documentários sobre a carreira do artista, filmes onde ataca de ator, alguns trabahos com roteiro assinado por ele e filmes influenciados pela sua obra. Tudo a preços populares na Cinemateca Brasileira entre os dias 24 e 29 de maio. Serão duas sessões diárias durante a semana e seis sessões no fim de semana. 

Além da extensa discografia oficial, mais de duas dezenas de discos caseiros com revisões e novas versões de seus maiores clássicos e alguns belos sermões no currículo, Dylan ainda teve passagem pelos mais importantes festivais do planeta, produziu lindamente alguns de seus melhores discos, ostenta uma carreira respeitável como escritor, entre poesia e prosa, já emplacou belas vendas em leilões com suas telas e fotografias e já se arriscou mais de uma vez diante e atrás das câmeras. Um artista completo, que merece todas as homenagens nesse dia tão especial. 

Logo abaixo, você vê uma lista de cinco momentos especiais das muitas carreiras do maior poeta da história da música americana: esse artista de muitos rostos que diante dos olhos de milhões profetizou que os tempos estavam mudando.

North Carolina Blues ao vivo no Newport Folk Festival de 1963, dois anos antes do incidente da guitarra elétrica (quando Dylan foi vaiado no palco depois de abandonar o violão)

Subterranean Homesick Blues em Don't Look Back, documentário de D. A. Pennebaker sobre a turnê inglesa de Dylan em 1965, com participação de Allen Ginsberg e Bob Neuwirth ao fundo.

Rolling Thunder & Gospel Years, primeiros passos da entrega de Dylan ao cristianismo

Trailer de A Máscara do Anonimato, dirigido por Larry Charles e escrito e estrelado por Bob Dylan

Envelhencendo com classe: Thunder on a Mountain

***

 

Vai lá: mostra Bob Dylan no cinema
Quando: de 24 a 29 de maio
Onde: Cinemateca Brasileira, Largo Senador Raul Cardoso, 207 - Vila Mariana
Quanto: R$8,00
Informações: (11) 3512-6111

Programação: 

24.05 | Terça

SALA CINEMATECA BNDES
20h00 Pat Garrett & Billy the Kid
de Sam Peckinpah
EUA, 1973, 35mm, cor, 115’
com James Coburn, Kris Kristofferson, Richard Jaeckel, Bob Dylan 

25.05 | Quarta

SALA CINEMATECA PETROBRAS
18h00 The Last Waltz: O último concerto de rock 
(The Last waltz), de Martin Scorsese
EUA, 1978, 35mm, cor, 117’

06.05 | Quinta

SALA CINEMATECA PETROBRAS
18h30 Os Famosos e os Duendes da Morte
de Esmir Filho
Brasil/França, 2009, 35mm, cor, 95’
com Henrique Larré, Ismael Caneppele, Tuane Eggers, Samuel Reginatto

20h30 Não estou lá 
(I’m not there), de Todd Haynes
EUA/Alemanha, 2007, 35mm, cor/pb, 135’
Com Christian Bale, Cate Blanchett, Heath Ledger, Richard Gere

27.05 | Sexta

SALA CINEMATECA PETROBRAS
17h30 A Máscara do Anonimato
(Masked and anonymous), de Larry Charles
EUA, 2003, 35mm, cor, 112’ 
com Bob Dylan, Jeff Bridges, Penélope Cruz, John Goodman

19h30 No Direction Home: Bob Dylan
de Martin Scorsese
EUA/Inglaterra/Japão, 2005, 35mm, cor/pb, 208’ 

28.05 | Sábado

SALA CINEMATECA PETROBRAS
16h00 The Last Waltz: O último concerto de rock 
(The Last waltz), de Martin Scorsese
EUA, 1978, 35mm, cor, 117’

SALA CINEMATECA BNDES
18h00 Não estou lá 
(I’m not there), de Todd Haynes
EUA/Alemanha, 2007, 35mm, cor/pb, 135’
Com Christian Bale, Cate Blanchett, Heath Ledger, Richard Gere

20h30 Os Famosos e os Duendes da Morte
de Esmir Filho
Brasil/França, 2009, 35mm, cor, 95’
com Henrique Larré, Ismael Caneppele, Tuane Eggers, Samuel Reginatto

29.05 | Domingo

SALA CINEMATECA PETROBRAS
14h00 No Direction Home: Bob Dylan
de Martin Scorsese
EUA/Inglaterra/Japão, 2005, 35mm, cor/pb, 208’ 

18h00 Pat Garrett & Billy the Kid
de Sam Peckinpah
EUA, 1973, 35mm, cor, 115’
com James Coburn, Kris Kristofferson, Richard Jaeckel, Bob Dylan 

20h30 A Máscara do Anonimato
(Masked and anonymous), de Larry Charles
EUA, 2003, 35mm, cor, 112’ 
com Bob Dylan, Jeff Bridges, Penélope Cruz, John Goodman

fechar

Entre em contato
com a trip


fale conosco

PABX +55 (11) 2244-8747
Caixa Postal: 11485-5
CEP: 05414-012
São Paulo - SP

atendimento ao assinante

SP (11) 3512-9465
BH (31) 4063-8433
RJ (21) 4063-8482
das 09h às 18h
assinaturas@trip.com.br
 CENTRAL DO ASSINANTE 

ou se você preferir:

e-mail inválido!
mensagem enviada!
fechar

Assine


E leve ousadia, moda, irreverência,
comportamento, inspiração.
Tudo isso com coerência, profundidade
e um olhar que só a Trip tem.

trip

Desconto de 25%

1 ANO
11 edições
R$ 98,18
6 x R$ 16,36

Capa Conceito

assinar

1 ANO
11 edições
R$ 98,18
6 x R$ 16,36

Capa Trip Girl

assinar

trip

Grátis um super relógio

2 ANOS
22 edições
R$ 261,80
6 x R$ 43,63

Capa Conceito

assinar

2 ANOS
22 edições
R$ 261,80
6 x R$ 43,63

Capa Trip Girl

assinar
fechar