por Felipe Maia

Projeto Ethioskate coloca o carrinho como oportunidade para crianças e adolescentes

A história não é nova, tampouco sua consequência. Enquanto o capitalismo global insiste em marginalizar regiões ou países inteiros, projetos de recuperação social persistem em surgir. Nesses casos, o esporte costuma ser uma ótima saída. E na Etiópia o escolhido foi o skate.

A Ethioskate é a primeira pista construída no país. O projeto é do músico Israel Dejene, formado na capital do país, Addis Ababa. Ao ver crianças deslizando no asfalto em placas de plástico, o jovem teve a ideia de trazer sua outra paixão aos pés da molecada.

Atualmente, a iniciativa de Dejene reúne meninos e meninas de 6 a 19 anos. Mais do que dar um rolê, a proposta do jovem é empoderar a garotada que participa da Ethioskate, fazendo dela uma alavanca para oportunidades.

Vai lá: http://ethioskate.tumblr.com

matérias relacionadas