O casamento do meu amigo gay

por Ana Manfrinatto

Porque aqui na Argentina ele pôde casar no cartório e na igreja e também poderá adotar um filho.


Antes de pedir desculpas pela ausência de dois meses, quero desejar um feliz ano todo e um lindo quase março para vocês. Sei que o tempo é a gente quem faz e blá blá blá mas dois mil e creize – também conhecido como o ano da serpente em que a gente vai mudar de pele e blá blá blá – começou a mil por hora por aqui.

Desculpas pedidas, vamos ao assunto do post, que aconteceu lááá no longínquo dia 29 de dezembro: o casamento do meu amigo gay. Já sei que ele é meu amigo e ponto e que dizer “meu amigo gay” é desnecessário e quiçá preconceituoso mas a questão é, justamente, o casamento gay na Argentina.

Aliás, o tema é mais que oportuno porque há pouco votaram o matrimônio entre pessoas do mesmo sexo na França, não é mesmo? Enfim, voltando ao país pelo qual eu me apaixonei e sigo apaixonada há seis anos, por aqui as questões de sexualidade e gênero, por sorte, estão super avançadas.

A lei de gênero permite que travestis e transexuais tenham o nome que quiserem no documento. E o casamento igualitário foi aprovado junto com a lei de adoção, ou seja, casais homossexuais tem o direito de formar uma família através do matrimônio e também de adotar uma criança fazendo o mesmo processo de um casal hetero.

Ou seja que o meu amigo Pablo, lááá das Minas Gerais, casou todo pimpão com o Guillermo, um argentino LINDO e gente boníssima. E não foi só no cartório, não, tá? Eles casaram na i-g-r-e-j-a. Isso mesmo: a Igreja Luterana Dinamarquesa de Buenos Aires, que fica em San Telmo, celebra a união entre pessoas do mesmo sexo.

O casamento foi a coisa mais linda e emocionante do mundo porque o Pablo é amigo, claro, e porque simbolizava uma luta que a gente apóia. Impossível não derrubar uma lágrima quando a vózinha dele entrou na igreja com as alianças. Meu namorado, aliás, chorou litros.

Minha parte eu já contei.

Todo o resto o Pablo conta em uma entrevista super bacana para jornal da cidade dele, o “Sete Dias” de Sete Lagoas, Minas Gerais. 

fechar

Entre em contato
com a trip


fale conosco

PABX +55 (11) 2244-8747
Caixa Postal: 11485-5
CEP: 05414-012
São Paulo - SP

atendimento ao assinante

SP (11) 3512-9465
BH (31) 4063-8433
RJ (21) 4063-8482
das 09h às 18h
assinaturas@trip.com.br
 CENTRAL DO ASSINANTE 

ou se você preferir:

e-mail inválido!
mensagem enviada!
fechar

Assine


E leve ousadia, moda, irreverência,
comportamento, inspiração.
Tudo isso com coerência, profundidade
e um olhar que só a Trip tem.

trip

Desconto de 25%

11 edições
R$ 98,18
6 x R$ 16,36

Capa Conceito

assinar

11 edições
R$ 98,18
6 x R$ 16,36

Capa Trip Girl

assinar

trip

Grátis um super relógio

22 edições
R$ 261,80
6 x R$ 43,63

Capa Conceito

assinar

22 edições
R$ 261,80
6 x R$ 43,63

Capa Trip Girl

assinar
fechar