por Gabriela Moura

’’Sobreviver já é, por si só, um ato subversivo’’

A minha luta como mulher é pelo direito de existir. Em um país onde 50 mil mulheres são estupradas e o aborto dá cadeia por você ter cometido o "crime" de ser dona do próprio corpo, sobreviver já é, por si só, um ato subversivo.

*Gabriela Moura, escreve no blog Nada sob controle e na página TV Relaxa

matérias relacionadas