por Redação

Katiele Fischer ficou conhecida por sua luta pelo uso de um remédio derivado de maconha para conter as crises epiléticas da filha, Anny Fisher

Katiele Fischer ficou conhecida por sua luta pelo uso de um remédio derivado de maconha para conter as crises epiléticas da filha, Anny Fisher, portadora da síndrome CDKL5, problema genético raro e sem cura.

Foi a primeira brasileira a conseguir na justiça autorização para o uso de canabidiol (CBD) e teve sua luta retratada no documentário Ilegal, que conta a história de mães que, como ela, tentam na justiça a liberação para o uso da substância.

play

matérias relacionadas