por Alexandre Potascheff

Historiadora e antropóloga Lilia Schwarcz analisa o momento político e fala sobre o racismo e o conservadorismo da sociedade brasileira

Já dizia o poeta: “o Brasil não é para iniciantes”. Por isso mesmo, pra tentar entender um pouquinho que seja desse momento maluco do país, é que a gente chamou uma especialista que há 38 anos estuda a trajetória brasileira. Lilia Schwarcz é graduada em História pela Universidade de São Paulo e tem mestrado (pela UNICAMP) e doutorado (pela USP) em Antropologia Social. É autora de livros como O Espetáculo das Raças, As Barbas do Imperador, O Sol do Brasil, Brasil: uma Biografia e Lima Bareto - Triste Visionário. Atualmente é curadora adjunta do MASP, coordena a coleção acadêmica da editora Companhia das Letras, é professora da USP e global scholar em Princeton.  No TRIP FM, Lilia analisa o momento político do país e fala sobre o racismo e o conservadorismo da sociedade brasileira.

LEIA TAMBÉM: Podem matar uma mulher, mas jamais suas ideias. Milly Lacombe escreve sobre Marielle Franco 


ESCUTE A ENTREVISTA COMPLETA NO PLAY ABAIXO:


SET LIST
J.J. Cale —  After Midnight
Jards Macalé —  Negra Melodia
Crosby, Stills, Nash & Young —  Teach Your Children
Steve Wonder —  Higher Ground
Ouça todas as músicas que rolaram no Trip FM em 2018

Créditos

Imagem principal: Fernando Martins

matérias relacionadas