por Juliana Alves

Encontrar uma peça bonita e barata não é tarefa fácil, mas veja essas dicas pra te inspirar

Você, moça ligada nas novidades da decoração e frequentadora de sites e blogs que fornecem inspiração sobre o assunto, já deve ter percebido que as penteadeiras estão de volta na nossa vida e no nosso espaço.

Também chamadas de toucador pelas nossas bisavós e indispensáveis para as nossas avós – que, como nós, não tinham bancadas generosas nos banheiros para encher de maquiagem e perfume –, as peças voltaram com tudo e viraram as queridinhas do décor.

Por isso mesmo, encontrar uma penteadeira bonita e barata não anda sendo tarefa das mais fáceis. E se a gente for falar dos modelos retrôs, pintados com as cores mais modernas da estação, a coisa fica ainda mais complicada e a brincadeira não vai sair por menos de quatro dígitos.

Ainda bem que podemos pensar em alternativas, han?

Passear por lojas de móveis usados – evitando as famosas e com qualquer menção à palavra “vintage”, obviamente – e ficar de olhos bem abertos em garages sales podem te ajudar a encontrar uma penteadeira pra chamar de sua. A minha veio de um desses “família vende tudo” e custou um preço bem justo.

Não se apegar à função original de algumas peças também ajuda a ampliar o leque de possibilidades. A minha era usada pela antiga dona como aparador na sala de estar.

Se perguntando o que mais pode virar uma penteadeira supimpa? Dá uma olhada nas dicas que eu separei pra te inspirar.

* Juliana Alves é uma piauiense apaixonada por São Paulo. Conheça mais sobre ela aqui.

matérias relacionadas