Tpm

por Isabel Marcondes
Tpm #71

Viu um gato e não soltou um “Ô, lá em casa”?

Viu um gato e não soltou um “Ô, lá em casa”? Deixa com a­ gente. Mande a foto do moço para cartas­@revis­tatpm­.­com­­.br. Se for publicada, você ganha um ano de assinatura da Tpm

Fabrizio Morato Damião, 30, o Bizo, é do tipo que carrega tudo: arroz, feijão, sofá, geladeira, você, sua mãe e os filhos dele. Durante o dia, Bizo faz carreto. À noite, é pai de família. O moço já quis ser piloto de helicóptero. Mudou-se do interior de São Paulo para a capital, fez o curso, porém não conseguiu decolar. As aulas práticas custavam quase o preço de um carro – e dos bons. De volta a Bragança Paulista, sua cidade natal, foi trabalhar para o pai. Com o dinheiro, comprou sua Kombi e depois uma van. Sobre o assédio do mulherio? “Ah, não sei... eu tenho uns olhinhos bem azuis, sabe? Todo mundo fala deles, mas nunca levei uma cantada bonita.” Alguém se habilita?

Vai lá: Bizo, serviços de carreto – (11) 9960-5670

matérias relacionadas