por Juliana Alves

Bares perderam ar exagerado de trambolho e se transformaram em item charmoso de decoração

Se você tem mais de 30 anos, deve se lembrar da época em que era comum as pessoas terem um bar em casa. Geralmente era um móvel bem grande e pesado de madeira, com espaço pra pendurar as taças de cabeça pra baixo e às vezes até uma cobertura com iluminação embutida. Se você se lembra disso, deve se lembrar também de como a peça ficou cafona tão logo os anos 80 começaram a esmorecer.

Mas se tem uma coisa que você já deve ter percebido é que a decoração, assim como a moda, é cíclica. Coisas que eram legais e ficaram cafonas podem, a qualquer momento, dar a volta por cima e – depois de uma repaginada – virar a nova febre do momento.

É o caso dos bares, que perderam aquele ar exagerado de trambolho e se transformaram em um item charmoso de decoração.

Já sei: você até tem uns copos bonitos e umas bebidas legais, mas tá sem dinheiro pra comprar um daqueles carrinhos lindos de loja de antiguidade? Ou um daqueles modernos assinados pelo designer do momento? Nada tema!

Separei umas dicas pra você ter um bar supimpa em casa, sem gastar muito. Lá em casa eu já montei o meu.

* Juliana Alves é uma piauiense apaixonada por São Paulo, mantém o blog Bloco (bloco.cc) e escreve sobre Design e Decoração quinzenalmente para o site da Tpm. Conheça mais sobre ela aqui.

matérias relacionadas