Tpm

por Jéssica DeSilva
Tpm #121

É no sossego de uma pequena cobertura rodeada de natureza na Gávea que a designer recarrega suas energias

Fim dos anos 90. A jovem Constança Basto, então estudante de comunicação social, estava noiva e visitava com sua mãe uma cobertura na Gávea, num predinho antigo rodeado de verde, silencioso e iluminado. Apaixona-se pelo lugar. É ali que pretende morar para sempre. A mãe desaconselha: é um lugar pequeno para uma família que pode crescer a qualquer momento. Treze anos depois, encontramos a designer de sapatos naquela mesma cobertura, solteira e feliz. “Uma grande amiga acabou vindo morar aqui cinco anos depois de eu ter me apaixonado pelo lugar. Na semana em que me separei do meu ex-marido, essa amiga me convidou para o bota-fora de sua casa. O apartamento ficaria vago!”, relembra.

Ao tomar posse – com um pouco de atraso – do espaço que sempre esteve reservado a ela, Constança pouco precisou fazer: uma mão de pintura nas paredes e sinteco no chão. Era só isso que a cobertura de 85 metros quadrados pedia. Mas, ao chegar com a mudança, percebeu que a falta de armários seria um problema. Decidiu, então, chamar um marceneiro para instalar prateleiras em lugares estratégicos e as encheu com cestos de palha que escondem a bagunça. O resto da decoração veio do antigo apartamento, de alguns móveis herdados e de antiquários do Rio de Janeiro.

Dois anos depois da mudança, Constança aproveita o pouco tempo de descanso da rotina de quase 12 horas diárias de trabalho para curtir seu apartamento com ares de casa de boneca. Nos fins de semana, adora ouvir música, olhar as revistas de moda na poltrona listrada e pensar nas próximas coleções. “Sou quieta, não sou festeira, para me tirar de casa no fim de semana só mesmo um supercinema. Esse lugar é perfeito, arejado, cheio de vidros, sem barulho nenhum. É o meu refúgio”, finaliza.

Organize-se

Ter pouco espaço no armário não é desculpa para ter uma casa desorganizada. Segundo Sílvia Pires, consultora da Sem Bagunça, em toda casa há espaços sem uso que podem ser adaptados para guardar coisas. Prateleiras podem ser colocadas acima de portas, por exemplo. Em banheiros sem armários, elas podem ser instaladas embaixo da bancada da pia e também acima da porta de entrada. Como ficam expostos, os objetos devem ter algum apelo decorativo, ficar dentro de caixas bonitas de palha, papelão, vime etc. e decoradas com etiquetas.

Ganchos atrás de portas para pendurar bolsas e casacos também são uma boa opção. Para quem tem espaço embaixo da cama, caixas de plástico grandes e baixas são ótimas para guardar lençóis, cobertores e outros artigos de cama.

Se você não quer – ou não pode – investir em um marceneiro, as lojas de construção têm prateleiras prontas de vários tamanhos para vender. Compre uma mão-francesa bonitinha e se organize!

Vai lá: Sem Bagunça – (11) 8283-0077; www.sembagunca.com

fechar

Entre em contato
com a trip


fale conosco

PABX +55 (11) 2244-8747
Caixa Postal: 11485-5
CEP: 05414-012
São Paulo - SP

atendimento ao assinante

SP (11) 3512-9465
BH (31) 4063-8433
RJ (21) 4063-8482
das 09h às 18h
assinaturas@trip.com.br
 CENTRAL DO ASSINANTE 

ou se você preferir:

e-mail inválido!
mensagem enviada!
fechar

Assine


E leve ousadia, moda, irreverência,
comportamento, inspiração.
Tudo isso com coerência, profundidade
e um olhar que só a Trip tem.

trip

Desconto de 25%

1 ANO
11 edições
R$ 98,18
6 x R$ 16,36

Capa Conceito

assinar

1 ANO
11 edições
R$ 98,18
6 x R$ 16,36

Capa Trip Girl

assinar

trip

Grátis um super relógio

2 ANOS
22 edições
R$ 261,80
6 x R$ 43,63

Capa Conceito

assinar

2 ANOS
22 edições
R$ 261,80
6 x R$ 43,63

Capa Trip Girl

assinar
fechar