por Redação

Arthur Veríssimo vai até a quebrada de Zina na tentativa de falar com a sensação do Pânico

Tosco e lesado ou esperto, genial? Arthur Verísismo foi ao outro lado da cidade, na Xurupita, para tentar decifrar o enigma chamado Zina, autor do mantra das multidões "Ronaldo, brilha muito no Corinthians", que o levou ao estrelato no Pânico. Seu cicerone foi Alfinete, que também faz parte da trupe de Sabrina e Cia. O difícil foi manter o Zina, recém chegado da balada, acordado. Dá uma olhada:

matérias relacionadas