Primeiro deputado homossexual a empunhar a bandeira do combate ao preconceito no Brasil

Nordestino e homossexual, Jean Wyllys de Matos Santos, 37 anos, sabe bem o que é ser vítima de preconceito, mas nunca se escondeu do mundo por conta disso. Ao contrário. Desde a adolescência dedica parte de seu tempo a combater a discriminação e promover o que acredita ser justiça social. Em 2005, quando venceu o reality show Big Brother Brasil, ganhou munição para levar sua temática ao centro do palco político principal: o Congresso Nacional. Hoje em primeiro mandato como deputado federal, Jean aplica seu discurso articulado, lapidado por anos de trabalho como jornalista, professor universitário e autor de livros, para a construção e a aplicação de um aparato legal de combate ao preconceito. Coordenador da Frente Parlamentar de Cidadania GBLT, ele milita ainda na defesa de minorias religiosas ameaçadas por crenças e sacerdotes intolerantes e no respeito a direitos há muito tempo consagrados na legislação mas muito pouco observados. Pode-se dizer que é o primeiro deputado homossexual a empunhar a bandeira do combate ao preconceito no Brasil.

Patrocínio

Copatrocínio

Apoio

Comunicação