Ex-jogadora de vôlei, fundadora do Instituto Esporte & Educação

Nas quadras, ela foi uma das maiores atacantes do vôlei feminino brasileiro, e suas conquistas incluem a medalha de bronze na Olimpíada de Atlanta (EUA), em 1996. A experiência da catarinense Ana Moser, 43 anos, como jogadora tornou-se base do trabalho social que realiza desde 2001, quando criou o Instituto Esporte & Educação, na zona sul de São Paulo. Usando o esporte como suporte pedagógico, a ex-atleta desenvolveu uma metodologia que serviu tanto para comunidades de baixa renda da periferia paulistana como para áreas carentes do Rio de Janeiro, de Ponta Grossa (PR) e do interior de São Paulo. "Quero formar cidadãos críticos e participativos. Sempre acreditei que a dimensão social do esporte ultrapassava a atividade profissional", diz, orgulhosa por atender mais de 10 mil jovens por ano, de 6 a 18 anos. "Queremos montar uma rede de transformação social", diz Ana. Uma parceria entre seu instituto, a Unicef e a ESPN Brasil resultou na Caravana do Esporte, iniciativa que organiza grandes mutirões de atividade esportiva em municípios de baixos índices sociais, com prioridade para o semiárido nordestino, a Amazônia, comunidades quilombolas e indígenas e periferias de centros urbanos. Desde 2005, a Caravana já atendeu 70 mil crianças e adolescentes e 10 mil professores da rede pública de 34 municípios.

Patrocínio

Copatrocínio

Apoio

Comunicação