por Camila Eiroa

Rappers se juntam para exaltar a força feminina no hip hop

As famosas dobras, onde MC's duelam e intercalam suas rimas durante os shows, são feitas em maioria por homens, em festa para homens. Mas, embora as mulheres do hip hop estejam ganhando cada vez mais espaço na cena, elas têm pressa. Pressa de mostrar que rimam tanto quanto os caras e que podem fazer isso juntas.

Por isso surgiu o projeto As Minas do Rap, que reúne quatro rappers e uma DJ em apresentações pelos palcos de São Paulo. Com Typá tocando a base nas pick ups, Lurdez da Luz, Lívia Cruz, Mc Gra e Karol de Souza mandando as rimas, elas ficam o tempo todo unidas em cena. Lurdez, que está grávida de 7 meses, já já entra de licença maternidade, mas os shows continuam. "Nossa união desconstrói a ideia de que as gurias não se relacionam bem e competem entre si", diz Karol.

"Lutamos muito pra conquistar nosso espaço, negado muitas vezes. Esse encontro é pra poder abrir novos caminhos para as mulheres que estão chegando agora", acredita Lívia. Já para a DJ Typá, o encontro de todas no palco é um "incentivo para as próximas gerações de mulheres do rap".

O mini-doc produzido pela Boia Fria Produções mostra um pouco das apresentações que as meninas fizeram até então. Dá pra ver que a sintonia é fina. "Por muito tempo tivemos mais referências de MC's homens, assistimos a vários shows com vários com eles no palco, só imaginando quando a gente estaria numa situação tão divertida. Agora estamos", comemora Lurdez, a veterana do grupo.

Vai lá: As mina do rap se apresentam em São Paulo
Quando: 18 de março (sexta-feira), às 20h
Onde: Sesc Pinheiros - Rua Paes Leme, 195 - São Paulo.
Quanto: gratuito

matérias relacionadas