por Diogo Rodriguez

Com jeito de pin up e paixão por carros, blogueira americana faz mais do que trocar pneus

A jovem americana Kristin Martin é uma combinação de duas preferências tipicamente consideradas masculinas. Uma garota bonita com jeito de pin-up que gosta de se sujar com graxa, ela é a criadora de um blog chamado Grease Girl. Ironia ou não, ela dá aula de educação sexual para adolescentes numa escola em Los Angeles. Enquanto customiza seu Studebaker Champion 1955, ela dá dicas de onde comprar peças, como regular o motor, trocar peças e posta fotos (comportadas) posando ao lado de seu querido carro. Em uma conversa por e-mail com a Trip, Kristin explicou como se apaixonou por carros, como é ser minoria numa atividade dominada pelos homens e se entender de mecânica atrai ou afasta os homens.

Quando você começou a lidar com motores?
Quando eu comprei meu Studebaker Champion em 2006, nunca tinha trocado o óleo. Meu pai e meus três irmãos sempre brincaram com carros de algum jeito, mas não são muito aficcionados. Minha avó e eles sempre tomaram conta do meu carro ao invés de gastarem um tempo para me mostrar como funcionam. Comecei a me interessar por carros antigos quando eu tinha 18 anos. A beleza, criatividade, imagianção e a história me chamavam a atenção no começo. Conforme fui prestando mais atenção, os aspectos mecânicos forma me fascinando também. Primeiro, aprendi perguntando ao meu avô como funciona um motor e dando uma passada na sua garagem de vez em quando. Então, comprei meu carro. Eu sabia que estava entrando em território desconhecido, mas estava animada com a oportunidade de aprender.

Desde que comprei o carro, aprendi muito. Podia ter deixado outras pessoas terem esse trabalho, mas amo fazê-lo eu mesma o quanto posso. Apesar de eu nunca ter me desfeito do Studebaker, estou ansiosa para o meu próximo carro. Terei mais conhecimento e vou poder tomar decisões melhores e ser criativa!

Como é ser uma garota numa atividade tipicamente masculina?
Amo ser uma garota numa atividade masculina. Eu sempre consigo ajuda que eu preciso e os caras ficam felizes de me ter por perto. No ano passado, eu e uma amiga fundamos um clube automotivo feminino. Estamos muito focadas em trabalhar nos nossos carros. Estamos aprendendo, nos reunimos o máximo possível. Amo os caras, mas ter um grupo de moças para falar de carros é muito bom também!

Você vive de mecânica?
Não, estou só aprendendo. Mas quero abrir uma oficina administrada só por mulheres.

O que os homens acham da sua paixão? Isso os afasta ou aproxima?
A maioria dos caras acha muito legal que eu curto carros. Não finjo que sei mais do que eles e isso deve ser um alívio para o ego masculino da cena automotiva. Não sou menos feminina porque gosto de motores, carros e gasolina. Provavelmente eles flertam mais por causa disso.

Você escolhe uma roupa especial para mexer no carro?

Meu macacão e uma camiseta velha.

O que você acha que as mulheres deveriam saber de mecãnica?
Acho que as pessoas deveriam saber o básico sobre a manutenção do carro. Gastamos muito dinheiro com nossos carros e sabemos pouco sobre eles.

Dá para estar cheia de graxa e ser sexy ao mesmo tempo?
Claro, mas essa não é a questão! Me envolvi com carros porque os amo.

Vai lá
: http://greasegirl.wordpress.com

 

 

matérias relacionadas