Sexo e diversão

Reedição do Kama Sutra ganha ilustrações eróticas e divertidas da francesa Malika Favre

por Carol Ramos em

Tpm / Comportamento / Sexo / Livros

Colaboradora de grifes como Gucci e Dolce&Gabbana, a ilustradora francesa Malika Favre, 29 anos, acaba de conquistar seu espaço no mundo erótico – ou quase isso. Dona de um estilo único, que mistura cores vibrantes e formas simples, ela criou um alfabeto erótico publicado na revista inglesa Wallpaper e foi convidada a reinterpretar a capa do Kama Sutra – maior livro de posições eróticas do mundo, criado entre 100 e 400 d.C. pelo indiano Vatsyayana – para uma tiragem especial da Penguin Classics Deluxe Edition (no momento à venda apenas pela Amazon). “Tento não ultrapassar o limite do belo e do divertido, evito a vulgaridade”, explica Malika.

Tpm. Você se identifica com as garotas que cria?
Malika Favre. Infelizmente, eu não tenho pernas tão compridas. Sou só a criadora. Elas gostam de se arrumar com a mesma intensidade com que se despem.

Você acha que as mulheres de hoje encaram o sexo de forma mais descompromissada? A nossa geração vê o sexo de forma mais aberta e tem uma perspectiva mais divertida sobre o assunto, sem se sentir julgada.

O que há de especial no corpo feminino? O corpo da mulher é muito sexy e acho mais prazeroso desenhar curvas do que formas masculinas.

Vai lá: Kama Sutra, Penguin Classics Deluxe Edition, US$ 9,71 – www.amazon.com

Crédito: Malika Favre
Crédito: Reprodução
Crédito: Reprodução
Crédito: Reprodução
Crédito: Reprodução
Crédito: Reprodução
Crédito: Reprodução
Arquivado em: Tpm / Comportamento / Sexo / Livros