Paraibana, sertaneja
e nordestina, a cantora
se tornou um fenômeno
da internet

Agnes Nunes

A jovem cantora acumula
cada vez mais seguidores
e admiradores nas redes
sociais com seus covers
e suas músicas autorais

EU GOSTO DE
SER INTENSA”

“Quando eu tô viciada numa
música, que eu tô escutando
muito, aí eu tenho que gravar
pra ela sair da minha cabeça.
É isso que acontece
na maioria das vezes.
Eu gravo muito também pelo
sentimento e pelo que eu
tô sentindo na hora.

Mas não é só o talento
musical que faz de Agnes
um fenômeno na internet.
Muitas das mensagens que
recebe são de jovens negros
que se sentem encorajados
por seu trabalho

“Eu tenho
um público
afro imenso.

ELES FALAM QUE POR MINHA
CONTA ELES CRIARAM CORAGEM
PARA SER QUEM ELES SÃO.
QUE DOIDO. E AÍ ELES FALAM
QUE COMEÇARAM A USAR O
CABELO CACHEADO SOLTO”

“PORQUE ELES
VIRAM QUE
NÃO PRECISAVA
TER MEDO.

É muito incrível isso.
Você saber que você
influencia várias pessoas
de uma forma boa, né?”

Nascida na Bahia e criada
na Paraíba, ela tem seu
próprio jeito de descrever
suas origens

Sou PARAIBAIANA,
sertaneja e
nordestina”

“Eu nasci na Bahia, em Feira
de Santana, só que com 9 meses
eu fui para o sertão da Paraíba,
numa cidade chamada Jericó.

Em meio ao sucesso, ela
se descobriu compositora

“Eu escrevo as minhas músicas

baseado no que eu vejo,
e às vezes baseadas em mim,
mas eu acho que não tive tanta
vivência. Às vezes eu escrevo
umas coisas que eu faço:
‘Caraca, fui eu que escrevi
isso aí?’ Às vezes sou muito
melancólica escrevendo”

“Sou louca
de arte,
louca de amor.

Sou muito nova e muita
bonita pra sofrer de amor”

DIREÇÃO: Emiliano Goyeneche

PRODUÇÃO: Nathália Cariatti
Juliana Farinha
Emiliano Goyeneche

FOTOGRAFIA: Nathália Cariatti
Vitor Serrano

SOM-DIRETO: Will Gaino

EDIÇÃO: Luciano Azevedo

cenas trip tv

é outra
conversa.

Leia mais