Anne, a única mulher trans no MMA brasileiro

A amazonense quer seguir lutando contra homens (e vencendo). Ela se prepara para a cirurgia de redesignação sexual, mas rejeita a possibilidade de deixar a categoria masculina: "Vou mudar para me sentir bem por inteira, mas no esporte eu já me sinto bem"

Compartilhar

Matérias relacionadas