por Bianka Vieira
Trip #260

As ilustrações de Alexandre Braga misturam fotografias antigas, corpos humanos e gravuras da botânica

É no mundo das velharias que Alexandre Braga, o Abiuro, encontra inspiração para suas ilustrações, que estão nas páginas das colunas desta edição. Aficionado por fotografias antigas, suas buscas em sebos trouxeram um vasto acervo de retratos, muitos deles do século 19. “Não tenho muito critério, pego tudo que me agrade visualmente e que possa ser transformado.” O processo de reaproveitamento, ele conta, transcende o lado visual da coisa. “Em tempos em que se produz tanto, gosto muito desse conceito de retrabalhar uma informação para usá-la em um momento diferente.” Aos 38 anos, Abiuro possui uma estética marcada por imagens de corpos humanos e da botânica, mas não se apega a um estilo. “Meu trabalho é muito pessoal, e eu estou em constante mudança”, diz.

LEIA TAMBÉM: Os traços e as cores vibrantes de Rimon Guimarães

Créditos

Foto principal: Abiuro

matérias relacionadas