Uma rede no sertão

Como o herói da jornada, José Roberto Nogueira, 51, deixou aos 18 anos a pequena Pereiro, no semiárido cearense onde nasceu, para conhecer o mundo e voltar transformado, para compartilhar o que aprendeu. Autodidata, o estudante de eletrônica, empreendedor e inventor criou a Brisanet, que já foi a maior operadora de internet a rádio do Brasil e é hoje dona de 18 mil quilômetros de cabos de fibra ótica, pelos quais leva internet de alta velocidade a mais de 115 mil residências de 150 cidades do Ceará, Rio Grande do Norte e Paraíba. Diferentemente da maior parte das operadoras de telecomunicações, criadas por grandes grupos empresariais, a Brisanet foi obra de pequenos investidores e foi bancada com recursos dos pequenos negócios e invenções de Nogueira. Graças a ela, fruticultores da região estão diretamente ligados a seus mercados consumidores, estudantes estão conectados ao conhecimento. “O semiárido tem uma necessidade extrema da internet”, diz Nogueira. Com sede na pequena Pereiro, a Brisanet dobrou de tamanho nos últimos dois anos e hoje emprega mais de mil pessoas, todas treinadas pela empresa. “Nascer e viver no meio do nada foi de grande vantagem para mim. Se tivesse em conforto, não teria desenvolvido tantas habilidades.”

Patrocínio

Copatrocínio

Apoio

Comunicação